Tofu Katsu

  


Esta é uma das maneiras que mais gosto de comer o tofu , já acompanhei com salada, com caril de legumes e assim com arroz basmati e salada.

É muito simples de fazer e fica uma delicia.


Ingredientes:

  • 1 bloco de tofu bio
  • molho de soja
  • paprika fumada
  • molho sriacha
  • sumo de limão
  • farinha
  • pimenta preta 
  • alecrim seco
  • paprika fumada
  • bebida de aveia
  • pão ralado  

Seca-se o tofu com papel de cozinha e corta-se ao meio, tempera-se com molho sriacha. molho de soja, paprika fumada e sumo de limão e deixa-se tomar gosto cerca de 1 hora.
Depois numa taça deita-se farinha e bebida de aveia até formar uma espécie de papa, noutra taça deita-se farinha com paprika fumada e o alecrim e numa ultima o pão ralado.
Escorre-se o tofu e passa-se pela farinha , de seguida pela papa e por fim pelo pão ralado e leva-se a fritar numa frigideira antiaderente com um pouco de azeite.
Quando estiver dourado de ambos os lados retira-se e coloca-se num pirex e vai ao forno cerca de 20 minutos.
Servi com arroz basmati e salada de agrião e couve roxa.

Barras de cereais cruas

 


Há muito que não fazia barras de cereais, tenho comprado mas ás vezes acho demasiado doces .

Resolvi fazer daquelas que não precisam ir ao forno, chamadas de barras cruas, aproveitar para usar uma tâmaras que andavam perdidas.

São muito simples de fazer basta juntar todo num processador de alimentos.



Ingredientes:

  • 200 g de tâmaras sem caroço
  • 90 g de flocos de aveia
  • 100 g de frutos secos ( amêndoa, noz , avelã e sultanas)
  • 1 colher de sopa de óleo de coco
  • canela em pó
  • 2 colheres de sopa de cacau puro

Deitam-se todos os ingredientes no processador e tritura -se.
Num tabuleiro pequeno forrado com pelicula aderente espalha-se a mistura, alisa-se e leva-se ao frio cerca de 2 horas.
Depois desenforma-se e cortam-se as barrinhas.
Guarda-se no frio.

Tofu fingido de salmão

 




 

Já fiz esta receita mais de que uma vez , é simples de fazer e fica uma delicia.
A receita é dos Bosh , que tem uma um canal no you tube, com receitas vegetarianas.




Ingredientes:

  • 1 bloco de tofu
  • sumo de beterraba
  • 2 pedaços de alga  nori
  • 1 chalota
  • salsa
  • salmoura de alcaparras
  • alcaparras
  • raspa de limão
  • vinho branco
  • azeite 
  • sal
  • pimenta
  • 2 rodelas de limão
  • batata doce
  • espargos verdes



Corta-se o salmão em duas  fatias , deita-se num pirex e rega-se com sumo de beterraba
Num pirex coloca-se dois bocados de alga do tamanho do tofu e por cima coloca-se o tofu escorrido.
Deita-se por cima a chalota cortada em fatias,  a salmoura de alcaparras e algumas alcaparras.
Coloca-se salsa e tapa-se com papel de alumínio e vai ao forno cerca de 20 minutos.
Entretanto dá-se uma fervura nos espargos e coze-se uma batata doce laranja.
Retira o tofu do forno, deita-se vinho branco, azeite , temperam-se com sal e pimenta a gosto e sobre cada fatia de tofu coloca-se uma rodela de limão.
Coloca-se ainda no pirex os espargos e a batata doce e vai ao forno mais 10 minutos.
Quando estive pronto serve-se.

Jaca com cogumelos secos

  


Desde que sou vegetariana tenho experimentado muitos ingredientes que não conhecia, um deles é a jaca .

A jaca é um fruto comestível obtido a partir de uma planta chamada jaqueira .

Este fruto tem muito benefícios por ter na sua composição importantes nutrientes , vitaminas e minerais.

Além de ter alguns benefícios é um substituto da carne, já usei em muitas receitas , esta foi uma que gostei muito.

A receita vi no canal do you tube dos Bosh   que tem excelentes receitas vegan, como sempre não segui a receita á risca.

 


Ingredientes:

  • 1/2 cebola picada 
  • 2 dentes de alho
  • azeite
  • 1 malagueta vermelha
  • 1/2 cenoura
  • pasta de tomate
  • 50 ml de vinho tinto
  • 1  lata de 200 g jaca 
  • cogumelos secos
  • 1 folha de louro
  • alecrim seco
  • caldo de legumes
Puré:
  • 2 batatas
  • sal
  • bebida vegetal
  • pimenta
  • manteiga de soja
  • noz moscada


Colocam-se os cogumelos secos de molho em água morna cerca de 30 minutos.
Cozem-se as batatas com água e sal.
Pica-se a cebola e os alhos e leva-se ao lume numa frigideira antiaderentes regando com um pouco de azeite.
Quando a cebola estiver translucida junta-se a malagueta picada e a cenoura cortada em cubos, deixa-se cozinhar uns minutos e depois adicionam-se o vinho tinto .
Escorre-se a jaca e passa-se por água e junta-se á frigideira, mexendo.
Escorrem-se os cogumelos e deitam-se na frigideira assim como o alecrim e o louro, mexe-se tudo e rega-se com caldo de legumes.
Deixa-se cozinhar cerca de 20 minutos mexendo de vez em quando.



 
Entretanto prepara-se o puré esmagando as batatas, deita-se um pouco de manteiga , a pimenta, noz moscada e leite até ficar com a consistência desejada.
Mistura-se tudo.
Depois num prato deita-se o puré e a jaca com os cogumelos ,rega-se com molho e polvilha-se com salsa picada .
Serve-se.
 

Tortilhas com keban de seitan

 


Uso muito seitan nas minhas receitas, quando vi keban de seitan no site da Loja Vegetariana

resolvi comprar , o seitan vem em pedacinhos pronto a cozinhar.

Fiz então umas tortilhas e ainda sobrou um pedaço que deu para juntar numa massa para o jantar.

Gostei deste seitan, tem um bom sabor e é bem prático .

  


Ingredientes:

  • uma embalagem de keban de seitan
  • molho de soja
  • paprika fumada
  • cominhos
  • molho sriacha
  • azeite
  • 2 tortilhas 
  • agrião
  • tomate cherry
  • cebola roxa
  • maionese vegan
  • raspa de limão
  • 2 dentes de alho picado 
  • pimenta preta


Deita-se o seitan numa taça e tempera-se com o molho de soja, paprika fumada, e molho sriacha e os cominhos e deixa cerca de uma hora a tomar gosto.
Aquece-se o azeite numa frigideira, junta-se o alho em fatias finas e depois quando estiver lourinho adiciona-se o seitan e salteia-se.
Para o molho juntam-se todos os ingredientes .
Aquecem-se as tortilhas , coloca-se agrião o seitan, o tomate cortado ao meio, fatias de cebola roxa e molho .
E deliciem-se.


Flor de bananeira com leite de coco

 


Esta é a segunda receita com a flor de bananeira e devo dizer que das duas foi a que mais gostei.

Aqui disfruta.se muito mais do sabor e da textura da flor de bananeira.

Esta alternativa ao peixe conquistou-me mesmo.

Por aqui só encontro tofu, seitan e soja , a soja não me agrada muito , depois que descobri onde comprar produtos diferentes , tenho aproveitado para variar mais nas minhas refeições.

Depois é só inventar receitas e sai comidas saborosas .


Ingredientes:


  • 2  flores de bananeira
  • 1 chalota
  • 2 dentes de alho
  • 1 malagueta vermelha
  • azeite
  • gengibre
  • sal
  • leite de coco
  • molho de soja
  • sumo de limão



Corta-se a chalota em fatias finas e pica-se os alhos, deita-se numa frigideira antiaderente rega-se com azeite e leva-se ao lume até ficar translucido. 

Adiciona-se a malagueta picada e gengibre também picado finamente e mexe-se .

De seguida passa-se a flor de bananeira por água e junta-se á frigideira mexendo para que ela se desfaza um pouco mas não muito.

Tempera-se com sal e deixa-se cozinhar cerca de 10 minutos mexendo de vez em quando.

Junta-se cerca de 3 colheres de sopa de leite de coco , mistura-se e depois junta-se molho de soja e sumo de limão a gosto e deixa-se mais uns minutos ao lume.

Servi com arroz basmati  e polvilhado com salsa.